Histórico

Contemplada com o Fundo Municipal de Cultura 2011 a Cia está finalizando a montagem do seu mais novo trabalho, o espetáculo "De Mala às Artes". O espetáculo resgata contos e histórias de Pedro Malazartes, personagem conhecido não apenas no Brasil mas em diversos países da América e Europa. O espetáculo tem estréia marcada para o mês de junho de 2013 e já nasce com circulação pelo norte do país através do Premio Funarte Myriam Muniz que possibilitará a circulação do espetáculo pelos estados do Amazonas, Pará e Amapá!

A Cia Circunstância foi contemplada por dois anos consecutivos com o Prêmio Funarte Artes Cênicas na Rua, 2009 e 2010. O primeiro projeto previu a circulação do espetáculo “Palhaços à Vista” em comemoração aos 5 anos do grupo, passando por Belo Horizonte e Região dos Inconfidentes, em Minas Gerais. No seu segundo prêmio a Cia coordenou a produção do projeto Quaquaraquaquá, realizado junto ao Coletivo de Palhaços, em praças de Belo Horizonte, Mariana e Ouro Preto. A Cia Circunstância é formada pelos artistas Diogo Dias, Luciano Antinarelli, Evandro Heringer, Miguel Safe,  Dagmar Bedê e Yuri Pinto.     

O Grupo já participou de importantes eventos do cenário artístico nacional, tais como o Projeto Vértice em João Pessoa-PB, 11º FIT-BH - Festival Internacional de Teatro Palco e Rua de Belo Horizonte, Filo 2012 - Festival Internacional de Teatro de Londrina, o 10º SESC Festclown em Brasilia/DF, o 18º Floripa Teatro - Festival Isnard Azevedo, Fórum das Artes em Ouro Preto e Mariana, o 53º Festival Santista de Teatro - FESTA,  o 4º Litoral Encena – Mostra Nacional de Teatro de Rua, Teatro de Bonecos e Circo em Caraguatatuba (SP) , a mostra Trem das Artes em pequenas cidades do interior de Minas e Rio de Janeiro, a mostra Funarte em Cena – Teatro de Rua, e mostras de cinema de Ouro Preto, Tiradentes e Belo Horizonte.

Além destes eventos de reconhecimento nacional, o grupo também realiza ações independentes como a expedição à bordo de um fusca azul 73 pelo sul da Bahia passando por Prado, Cumuruxatiba, Arraial D'Ajuda e Trancoso, além de Conceição da Barra e Dunas de Itaúna (E.S). A Companhia sempre investiu em formas autônomas de manutenção e produção, mantendo parcerias com produtores, dialogando junto à redes colaborativas (Rede de Teatro de Rua e Coletivo de Palhaços) e apostando na arte de rua como foco importante de divulgação e auto-sustentabilidade.

                Desde 2004 o grupo vem atuando em ruas, praças, eventos, por contrato ou conta própria e hoje tem sede na Rua Junquilhos, 1220 - Jardim América - BHte/MG.